Institucional

Câmara instala Frente Pró Parlamentarista

  • Lançamento da Frente Parlamentar Pró Parlamentarista. Na foto, vereador João Carlos Nedel ao microfone
    Vereador João Carlos Nedel (c) presidirá a Frente(Foto: Ederson Nunes/CMPA)
  • Lançamento da Frente Parlamentar Pró Parlamentarista.
    Professor Wambert (na tribuna) será o vice-presidente(Foto: Ederson Nunes/CMPA)

Com o propósito de discutir com a sociedade em seus diversos segmentos a futura realização de um plebiscito sobre a possibilidade de mudança do atual sistema presidencialista para o parlamentarista, a Câmara Municipal de Porto Alegre instalou na noite desta terça-feira (2/4) a Frente Parlamentar Pró Parlamentarista. De acordo com o vereador João Carlos Nedel (PP), que irá presidir a Frente, a ideia é fazer uma discussão aberta com a sociedade. “Nossa intenção é fazer um debate com o propósito de avançar na estrutura sociopolítica do Brasil”, enfatizou em sua manifestação. Ele considerou ainda que o momento é de falar e ampliar o debate sobre o tema.

O vereador Professor Wambert (PROS), que será o vice-presidente, considerou que a intenção é discutir e debater a elevação da qualidade das instituições. "Que impactam diretamente na ética política", disse ele.

Na oportunidade também estiveram presentes o deputado estadual Mateus Wesp (PSDB), o ex-deputado federal constituinte Victor Faccioni e o presidente do Movimento Parlamentarista Brasileiro (MPB), Vinicius Marques Boeira, entre outras autoridades. 

A criação da Frente Pró Parlamentarista foi aprovada em plenário em setembro de 2018. Farão parte da mesma ainda os vereadores Ricardo Gomes (PP), Cassiá Carpes (PP), Mônica Leal (PP), Felipe Camozzato (NOVO), Paulo Brum (PTB), Comissário Rafão Oliveira (PTB), Moisés Barboza (PSDB), Mauro Pinheiro (REDE) e Reginaldo Pujol (DEM). 

Texto: Regina Andrade (reg. prof. 8423)
Edição: Marco Aurélio Marocco (reg. prof. 6062)