PLENÁRIO VIRTUAL

Aprovada necessidade de proteger toda espécie de animal no licenciamento ambiental

Movimentações no Plenário. Na foto: vereadora Lourdes Sprenger
Veredora Lourdes Sprenger (MDB)(Foto: Leonardo Contursi/CMPA)

A Câmara aprovou na tarde desta sexta-feira (31/7), durante sessão extraordinária remota, projeto que autoriza a Secretaria do Meio Ambiente a exigir estudos sobre o impacto dos empreendimentos que buscam o licenciamento ambiental do município não apenas sobre os animais nativos do lugar como sobre os que vierem de fora, os domésticos e até mesmo os que, ainda que indesejados, vivem perto do homem, como as aranhas, escorpiões, mosquitos, ratos, baratas, morcegos e até pulgas. Foram 18 votos favoráveis e 10 contrários. A proposta foi apresentada pela vereadora Lourdes Sprenger (MDB). Ela sustenta que a proposição é mais um mecanismo que demostra a preocupação da cidade com os animais. Garante também que o projeto está em conformidade com a lei que estipula as regras a serem obedecidas para a criação, o comércio, a exibição e a circulação de animais e a que estabelece penas para os crimes ambientais. Confira os pronunciamentos. 

Texto

Joel Ferreira (Reg. Prof. 6098)

  • Ver. Lourdes Sprenger (MDB) - Autora - Encaminha

  • Ver. Felipe Camozzato (NOVO) - Encaminha

  • Ver. Mônica Leal (PP)

  • Ver. Engenheiro Comassetto (PT)

  • Ver. Professor Alex Fraga (PSOL)

  • Ver. Lourdes Sprenger (MDB) - Autora

  • Ver. Cassiá Carpes (PTB)

  • Ver. Felipe Camozzato (NOVO)